CUT convoca ato público em defesa da Petrobras e contra impeachment de Dilma

    0

    Entidade sindical historicamente ligada ao PT, a CUT (Central Única dos Trabalhadores) está programando um grande ato público em defesa da Petrobras, na Avenida Paulista, em São Paulo, no dia 13 de março; dois dias antes da data para a qual estão sendo convocadas as passeatas pedindo o impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT).

    O ato faz parte da campanha “Defender a Petrobras é defender o Brasil”, que está sendo lançada pela CUT e pelo Federação Única dos Petroleiros (FUP), que será lançada nesta terça-feira (24), no Rio de Janeiro.

    “Oportunistas de plantão querem usar a conduta criminosa de alguns funcionários de alto escalão para preparar a empresa para a privatização. A Petrobras representa mais de 13% do PIB brasileiro e vamos defender este patrimônio contra qualquer tipo de interesse privatista ou do capital internacional”, afirma o presidente da CUT, Vagner Freitas.

    “A investigação, o julgamento e a punição de corruptos e corruptores, doa a quem doer, não pode significar a paralisia da Petrobras e do setor mais dinâmico da economia brasileira”, diz um manifesto divulgado pelo grupo, formado por intelectuais ligados ao PT.

    A CUT diz que há um movimento de desmoralização da Petrobras que tem reflexo no setor de óleo e gás e que prejudica o fluxo de grandes investimentos e geração de empregos.

    A Petrobras tem passado por uma crise causada pelo desmonte de uma quadrilha que desviava dinheiro público da estatal para compra de apoio político; investigada pela Operação Lava Jato, da Polícia Federal.

    Da Redação com blog de Jamildo

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: redacao@paraibaja.com.br

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here