Couto é recepcionado com festa e Cunha Lima com gritos de “golpista” em aeroporto

1

Os defensores da presidente Dilma Rousseff (PT) parecem dispostos a não dar trégua aos políticos favoráveis ao impeachment. A caça aos “golpistas” começou na segunda-feira (18), com protestos contra parlamentares em aeroportos.

Leia também:

Vídeo: Senador paraibano é hostilizado em aeroporto: “golpista, cassado…”

Maranhão sinaliza voto pró-impeachment e é hostilizado nas redes sociais

Vídeo: Mais um deputado é hostilizado em aeroporto: “golpista, golpista”

Vídeo: Deputado do PMDB é hostilizado por eleitora em aeroporto: “golpista, engomadinho”

Da Paraíba, o senador Cássio Cunha Lima (PSDB) foi o primeiro a sentir a ‘fúria’ de quem é contrário ao afastamento da presidente da República. Ele foi alvo de um eleitor no saguão de um aeroporto, que aos gritos, o chamou de “golpista, cassado, corrupto…”

A mais recente ‘vítima’ foi o deputado federal Pedro Cunha Lima (PSDB), filho de Cássio. Ele desembarcou no Aeroporto Castro Pinto, na Grande João Pessoa, no mesmo voo que o deputado Luiz Couto (PT), que votou contra impeachment na sessão do último domingo (17), na Câmara Federal.

Na chegada dos dois parlamentares paraibanos, reações diferentes. O petista teve recepção calorosa: “Luiz Couto, guerreiro do povo brasileiro”. Já o tucano foi recebido aos gritos de “golpista”.

O vídeo com a chegada doS dois parlamentares paraibanos estão circulando nas redes sociais. As imagens mostram Luiz Couto, inclusive, posando para fotos com os manifestantes, e Pedro Cunha Lima tentando ignorar o protesto.

Saiba mais

A ‘onda’ de hostilizar políticos favoráveis ao impeachment de Dilma começou na segunda-feira (18), com o deputado Vitor Valim (PMDB-CE), que foi xingado por populares no Aeroporto de Brasília. Ele foi chamado de “engomadinho” e acusado de ser “golpista”.

No dia seguinte, a ‘vítima’ foi o deputado Mendonça Filho (DEM-PE). Ele foi recepcionado aos gritos de “golpista” ao chegar no Aeroporto Internacional do Recife. Quando tentava deixar o local, o parlamentar pernambucano foi surpreendido por manifestantes.

Nas imagens, compartilhadas nas redes sociais, Mendonça Filho aparece irritado com a abordagem e chega a mandar beijo para os manifestantes. Em nota, o parlamentar atribuiu o ataque ao PT e classificou a abordagem como “choro de derrotado”.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here