Comissão se reúne para pacificar processo de reintegração de posse

    0

    A Comissão formada para pacificar o processo de reintegração de posse de terras na Paraíba teve a primeira reunião no final da manhã desta sexta-feira (1º), na sede da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Humano. Os representantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) alegam que existem três acampamentos em situações mais urgentes nos município de Caaporã, Sousa e Pilar, cujas determinações de execução de despejo foram demandadas.

    Os acampamentos em questão ficam nos municípios de Caaporã (60 famílias), Sousa (240 famílias) e Pilar (51 famílias). A secretária de Estado do Desenvolvimento Humano, Cida Ramos, disse que a reunião foi importante porque procurou fazer com que esta questão da terra e a discussão das desapropriações fossem feitas com critérios e respeitando o que se tem de produtivo.“Essa foi uma forma que encontramos em que os diversos poderes dialoguem e que possamos tratar esta discussão do acesso à terra de forma mais tranquila, evitando que as pessoas sejam marginalizadas e criminalizadas”, disse.

    Para o representante MST, Paulo Sérgio Alves da Silva, a reunião foi positiva. “Ficou acordado que, antes de ser executada a reintegração de posse, essa comissão irá se reunir no sentido de intermediar para não haver conflito. As famílias que estão dentro dessas áreas já moram no local há mais de 10 anos”, explicou.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here