Com mudanças, Botafogo-PB já está com time definido para enfrentar o Vila Nova

    0

    O Botafogo-PB realizou coletivo apronto na manhã desta quinta-feira (09), no estádio Almeidão, visando a partida do próximo sábado (11), diante do Vila Nova-GO, no Estádio Onésio Brasileiro Alvarenga, em Goiânia, às 19h.

    A partida será válida pela 7ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série C. Como o Vila tem dez pontos, apenas um a mais que o Belo, na tabela de classificação, trata-se do famoso “jogo de seis pontos”. Em caso de vitória, o time pessoense ultrapassa o rival e entran o G4 do Grupo A.

    Além de ter a difícil tarefa de tentar vencer a primeira fora de casa, o treinador Roberto Fonseca deve ter problemas para escalar a equipe.

    O meia Doda não participou dos dois últimos treinamentos alegando dores no músculo adutor da coxa direita, além de um desconforto na região pubiana. Samuel ganhou a vaga no meio de campo, e deve mesmo começar jogando. Segundo o preparador físico Alexandre Duarte, o camisa 10 botafoguense realizou as suas atividades à parte com o fisioterapeuta Wellington Almeida.

    Outra dúvida inesperada surgiu na manhã desta quinta. O atacante João Paulo sentiu o joelho direito e saiu bastante cabisbaixo na metade do coletivo. Ele deve realizar tratamento durante a tarde para que possa ficar à disposição da equipe para a partida de sábado, porém é possível que o time fique sem dois dos seus três mais ofensivos. Desta forma, quem pode formar dupla com Reginaldo Júnior é André Cassaco, autor do segundo gol na vitória do Belo sobre o Icasa no último fim de semana.
    Além das dúvidas por lesão, o time pode ter mais uma mudança, esta por opção do treinador. O lateral direito Gustavo deve dar espaço para Marcel, volante que também joga improvisado na posição, para reforçar o poder de marcação no setor.

    Se não houver mais nenhum imprevisto, o Botafogo-PB deve iniciar a partida com Edson; Marcel, Walter, André Lima, Alex Cazumba; Zaquel, Nata, Jean Cléber, Samuel (Doda); João Paulo (André Cassaco), Reginaldo Júnior.

    Com essa equipe, o treinador botafoguense fez um trabalho de 30 minutos, sempre parando para enfatizar o posicionamento e o poder de decisão nas bolas paradas. Ele cobrou bastante a eficiência de sua equipe no toque de bola no campo adversário, ressaltando que a partida é fora de casa e que não se pode desperdiçar as chances criadas.

    No final do coletivo, Guto ganhou a vaga de Nata no meio de campo.

    Roberto Fonseca, ao fim do treino, exaltou a qualidade dos seus comandados na briga por uma vaga no meio de campo. Nos coletivos, Guto e Nata sempre tornam-se “dúvidas” na cabeça do treinador para saber quem começa jogando entre os titulares. Para o comandante, essa “dor de cabeça” é boa, e quem sai ganhando é a equipe.

    “Com o Guto ganhamos em muitos pontos positivos, assim como o Nata, que é um dos artilheiros da equipe. Para o treinador é importante ter jogadores que disputam e brigam pela posição. Com a qualidade de um ou de outro, quem ganha com isso é o Botafogo-PB”, explicou Fonseca.

    O Botafogo-PB vai em busca de sua terceira vitória na competição. Na última rodada, o Belo venceu o lanterna Icasa-CE por 2 a 0 em João Pessoa. Já o Vila Nova-GO empatou sem gols fora de casa contra o Confiança-SE.

    A arbitragem já foi definida e ficará por conta do sul mato-grossense Thiago de Alencar Gonzaga (CBF-1), auxiliado pelo brasiliense Lehi Sousa Silva(CBF-2) e pelo goiano Evandro Gomes da Silva(CBF-1).

    O elenco botafoguense deve realizar um treino recreativo na manhã desta sexta-feira (10). Em seguida, almoça e segue viagem no início da tarde para Goiânia.

    Do Voz da Torcida

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here