Com impeachment, eleições não serão mais necessárias, diz deputado

    0

    O deputado estadual Anísio Maia (PT), em entrevista nesta segunda-feira (07), ao Paraíba Já, certificou que o PT na Paraíba está unindo forças com outras entidades para defender a presidente Dilma Rousseff (PT). De acordo com o deputado, o partido se reunirá com lideranças na próxima quarta-feira (09) para organizar uma mobilização conjunta contra o impeachment da presidente.

    “Na próxima quarta-feira vamos nos reunir com todas as entidades que são contra o impeachment, OAB, Igreja, deputados da Assembleia, CUT , forças de vários partidos e outros, vamos organizar uma mobilização conjunta. Na Assembleia, na quarta pela manhã vou encaminhar um requerimento para criar a frente parlamentar a favor da democracia. Se esse impeachment for aprovado, agora qualquer presidente que tiver minoria pode sofrer um impeachment e aí podemos acabar as eleições no Brasil”, justificou.

    Para o petista o impeachment é tentativa da oposição derrubar a presidente Dilma, e não existem fundamentos jurídico  mas sim político.

    “Não tenho a menor dúvida, você vai condenar uma presidente que não existe nada contra ela, a única argumentação são essas pedaladas que não tem nenhuma eficácia. Collor foi cassado porque foi descoberto uma roubalheira no governo que ele estava, atividades de campanha financiando caixa dois ainda na presidência, é muito diferente. Dilma está sendo acusada de uma coisa que não existe. Isso é julgamento político, a oposição quer derrubar ela e arrumou uma desculpa”, argumentou.

    Anísio ainda censurou o presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ), afirmando que o peemedebista é um político corrupto e sem moral para continuar presidindo a Câmara e orientar o impeachment.

    “É um impeachment sem fundamentos jurídicos puramente político, organizado pelo presidente da Câmara mais corrupto da história do Brasil. É um presidente que não tem moral para presidir nenhuma sessão quanto mais orientar um impeachment. Ele não tem moral para organizar uma votação no Congresso. O impeachment é vingança da oposição”, criticou.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here