Choro, samba e regionais com Ricardo Brito e Os Mulatos no Sabadinho Bom

    0

    O pianista Ricardo Brito e os músicos d’Os Mulatos embalam o público ao som do chorinho, samba e regionais em mais uma edição do Sabadinho Bom deste dia 29. O projeto, realizado pela Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope), começa às 11h30, na Praça Rio Branco, Centro Histórico da Capital.

    Abrindo o espetáculo, chamado “Neo Choro”, Ricardo Brito apresenta choro brasileiro contemporâneo com toques eletrônicos, jazz americano e autorais de arquivo. Além das obras de Ernesto Nazareth, Jacob do Bandolim, Dori Caymmi, João Donato e Luiz Gonzaga, ele vai tocar as suas, “Choro em Silêncio”, “Beliscando o Azulejo”, “Arengueiro”, “Que Sabadinho Bom!” (feita especialmente para o projeto), o samba “Sete a Um”, “Baião Bravo” e “Xote aos Avessos”. A formação instrumental tem flauta, sax e bandolim (Maropo), o piano digital e escaleta de Brito, baixo (Raimere Travassos), guitarra semiacústica (Gabriel Moraes) e bateria (Gilson Machado).

    Os Mulatos – O samba de breque e de raiz será celebrado na voz de um dos grupos revelações da Paraíba. Nascido em João Pessoa há três anos da união de sete irmãos, primos e amigos, Os Mulatos expressam em público todo o amor à nação sul-africana, e em particular ao ex-líder Nelson Mandela, nas apresentações quando estendem o pavilhão do país-símbolo do apartheid junto da bandeira brasileira no fundo de palco. Mas as homenagens param por aí, quando a identidade musical verde-amarela emerge, tomando conta do resto do show.

    A antiga banda Axé Tikerê hoje é composta por Ébano (também cavaquinista), Lindonjonson Alencar (voz e tantã), Marilon Rodrigues (voz e pandeiro), Marivan Rodrigues (voz e atabaque), Marlon Santos (percussão), Breno (cavaco) e George (violão).

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here