Celebrações marcam os seis anos da morte do ex-deputado Vital do Rêgo

0
Celebrações marcam os seis anos da morte do ex-deputado Vital do Rêgo
Ex-deputado federal Vital do Rêgo

A família do ex-deputado federal e advogado Vital do Rêgo relembra, nesta terça-feira (2) os seus seis anos de vita eterna. As celebrações serão realizadas nas cidades de Campina Grande, João Pessoa e Brasília, como forma de proporcionar a todos os parentes e amigos a oportunidade de relembrar a vida e a história do ex-parlamentar paraibano.

Em Campina Grande, a missa será realizada às 17j, na capela da Casa da Criança Dr. João Moura, local onde, costumeiramente, Vital do Rêgo participava de celebrações. Em João Pessoa, a missa ocorrerá na Igreja de Nossa Senhora de Nazaré, no bairro do Bessa. Já em Brasília, a família celebra os seis anos de vida eterna do ex-deputado na Igreja de Nossa Senhora de Guadalupe.

Vital do Rêgo foi um dos maiores políticos, tribunos e juristas do país. Nascido em 21 de maio de 1935, era nacionalmente conhecido pela sua oratória envolvente e inconfundível, sendo, durante muitos anos, o principal nome do Tribunal do Júri paraibano, além de se destacar como professor de Direito Penal.

Foi presidente municipal do PMDB de Campina Grande. Teve vibrante trajetória política, na condição de deputado federal e estadual, além de ter disputado a Prefeitura Municipal de Campina Grande em duas ocasiões.

Em suas memoráveis campanhas políticas, sempre iniciava os seus discursos com uma frase que se tornou a sua marca e uma expressão célebre na História política paraibana: “Destemidos e valorosos companheiros de lutas e de vitórias!”.

A frase era sempre usada porque quando abraçava uma causa, ia com ela até o seu final, arrastando multidões de admiradores que até hoje estão enlutados com o seu desaparecimento.

Trajetória política

Vital do Rêgo foi deputado estadual de 1959 a 1963 pelo PSD; deputado federal de 1963 a 1967 pela UDN; e de 1967 a 1969 pela Arena. Foi cassado pela ditadura militar, instalada no Brasil em 1964, tendo voltado a disputar um cargo eletivo só em 1982, em memorável disputa com Ronaldo Cunha Lima, pela prefeitura de Campina Grande. Também foi eleito deputado federal de 1991 a 1995, pelo PDT.

Na Câmara Federal, Vital do Rêgo foi corregedor geral. Seus discursos e posições no plenário e na Comissão de Constituição e Justiça ainda hoje recebem menções elogiosas. Foi casado com a suplente de senadora Nilda Gondim e pai do deputado federal Veneziano Vital do Rêgo e do ministro do Vital do Rêgo Filho (Vitalzinho), do Tribunal de Contas da União (TCU).

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here