Cunha Lima abandona discurso de impeachment de Dilma e passa a pedir ‘novas eleições’

    1

    O senador paraibano Cássio Cunha Lima (PSDB) voltou a defender que a saída para a crise política que vive o Brasil é a realização de novas eleições, e não o impeachment da presidenta Dilma Rousseff (PT). Em entrevista nesta quinta-feira (6), Cássio disse que o país precisa de alguém que una o país, e que esta pessoa não seria o vice-presidente Michel Temer (PMDB).

    “Não será através de um acordo, de um conchavo político, de um entendimento meramente entre partidos, que nós encontraremos saída para esta crise. Precisamos, sim, de alguém que una a Nação, e esse alguém só surgirá legitimado pelas urnas”, disse Cássio.

    Os tucanos fizeram um apelo para que as pessoas que forem às ruas no próximo dia 16 se manifestem a favor da realização de novas eleições e deixem de lado a bandeira do impeachment. “Estamos lançando um movimento para que a sociedade brasileira reflita que a melhor saída para a gravidade da crise são novas eleições”, disse o líder do Senado.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here