Cartaxo consegue apoio de senadores para garantir empréstimo do BID para PMJP

0

Com diálogo e fazendo questão de deixar as diferenças políticas de lado, o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, conseguiu unir os três senadores da Paraíba, Raimundo Lira, José Maranhão e Cássio Cunha Lima, em defesa da aprovação do plano João Pessoa Sustentável, conjunto de 60 ações elaboradas por técnicos da Prefeitura e de entidades nacionais e internacional, que deve receber financiamento de US$ 100 milhões (cerca de R$ 400 milhões) do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). O plano vai garantir o desenvolvimento do município ao longo dos próximos 30 anos, quando João Pessoa deverá contar com mais de 1 milhão de habitantes.

Parte das ações do plano já vem sendo implantada pela Prefeitura, mas o pacote de financiamento para o conjunto só poderá ser liberado após aprovação pela Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) e pelo Plenário do Senado. Por isso que Luciano Cartaxo cumpriu extensa agenda de trabalho em Brasília nesta quarta-feira (24), onde esteve pessoalmente com os três senadores. Raimundo Lira e José Maranhão garantiram apoio inclusive na CAE, da qual são membros. O primeiro é titular da Comissão. O segundo, suplente. Ambos elogiaram a iniciativa. Cássio, além de aplaudir o planejamento de longo prazo, prometeu se empenhar na votação no Plenário do Senado.

“Esse plano é algo inédito, inovador. Pela primeira vez, nós vamos ter a oportunidade de deixar um legado, que vai além do nosso tempo de governo, à frente da Prefeitura Municipal de João Pessoa. Nós temos um projeto que vai ficar para 30 anos. É um caminho, uma bússola no que se refere ao seu desenvolvimento sustentável. Isso é muito importante e demonstra também a nossa capacidade de elaboração de projeto, de buscar recursos junto a um organismo internacional. Nós queremos crescer, desenvolver a cidade cada vez mais, mas preservando a qualidade de vida, preparando João Pessoa para um milhão de habitantes”, afirmou o prefeito.

O projeto – A capital paraibana é a primeira cidade do Norte-Nordeste do Brasil a ter o seu plano de desenvolvimento, intitulado João Pessoa Sustentável, aprovado pelo BID no programa Cidades Emergentes e Sustentáveis. Suas diretrizes foram elaboradas por técnicos da PMJP e de entidades nacionais e internacionais. O trabalho já rendeu alguns benefícios para a cidade, como o inventário de gases do efeito estufa, o estudo sobre o crescimento da mancha urbana de João Pessoa e o mapa de vulnerabilidades de desastres naturais.

Entre as 60 ações previstas pelo plano estão a instalação do Centro de Cooperação da Cidade, que será responsável pelo monitoramento de diversas áreas, como segurança, mobilidade urbana, defesa civil e meio ambiente; a criação de um Parque Tecnológico, já em fase de estudos de viabilidade, para fomentar o ambiente das empresas do setor da tecnologia, e intervenções em comunidades como o Complexo Beira-Rio e o Complexo Linha-Férrea.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here