Candidato do PSDB defende diálogo entre gestão e os servidores do Estado

    0

    Em 10 minutos de entrevista, o candidato do PSDB respondeu às perguntas feitas pelos apresentadores Bruno Sakaue e Isis Coelho e pelo colunista de política Laerte Cerqueira. Ele falou sobre segurança pública e a nova Operação Manzuá, além do salário que recebe no Senado e a pensão de ex-governador, que juntos ultrapassam o piso nacional de funcionário público. O senador ainda garantiu que a carga horária dos servidores públicos deverá ser discutida com o Fórum dos Servidores.

    Com relação ao funcionalismo público, o candidato prometeu reduzir a quantidade de servidores comissionados e promover redução de custeio da administração, caso seja eleito. “A Lei de responsabilidade Fiscal não pode ser usada como pretexto para não prestar um serviço público de qualidade”, afirmou. “Vou fazer uma profunda reforma administrativa, uma revisão completa no Estado”, acrescentou.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]