Campinense faz dois gols no final do jogo e vence o Naútico no Amigão

0

Foi demorado, mas finalmente o Campinense conseguiu vencer o Náutico do Recife, em partidas oficiais.

Mesmo sem fazer uma grande apresentação, a Raposa bateu o Timbu por 2 a 0 neste domingo, no Estádio Amigão, pelo Grupo A da Copa do Nordeste.

Os gols do time raposeiro foram marcados por Renatinho e Léo Ceará, aos 43 e 46 minutos do segundo tempo. Com o resultado, o Campinense segue na cola do Santa Cruz, na liderança do grupo, ambos com 7 pontos.

No entanto, o Tricolor leva vantagem no saldo de gols, já que goleou o lanterna Uniclinic por 4 a 0, no Arruda. O Náutico segue em terceiro, com 3 pontos.

Os dois times voltam a se enfrentar no próximo dia 22, em jogo válido pela quarta rodada do Grupo A da Copa do Nordeste. Desta vez, o jogo será com mando do Náutico, na Arena Pernambuco em Recife.

Antes disso, o Campinense recebe o Paraíba na próxima quinta-feira, no estádio Amigão pelo Campeonato Paraibano.

O JOGO

A partida começou bastante truncada no meio-campo, com os dois times buscando espaço para chegar com perigo à área adversária. A primeira boa chance do Campinense aconteceu aos 14 minutos, quando Léo Ceará mandou uma bomba de fora da área, mas o goleiro Tiago Cardoso conseguiu fazer uma ótima defesa, salvando o que seria o primeiro gol do jogo.

Dois minutos depois foi a vez de Magno arriscar de longe para a Raposa, dessa vez a bola não entrou por muito pouco no ângulo mas saiu por cima do gol.

O Campinense seguiu criando mais, porém por muitas vezes, parava na forte marcação adversária e por isso continuou arriscando muitos chutes de longe e cruzamentos na área, mas sem sucesso.

Já o Náutico, apesar de ter a maior posse de bola, não conseguia ser agressivo e pouco finalizou. Até por conta disso, a primeira etapa terminou mesmo com o empate sem gols.

Diferente do primeiro tempo, quem começou a segunda etapa fazendo pressão foi o Náutico. Aos 3 minutos, Erick lançou Maylson na área, mas o meio-campo chutou para fora. Na sequência, foi a vez de Giovanni ter uma boa chance para o time pernambucano.

Após cobrança de escanteio de Marco Antônio, a bola sobrou para o defensor, que de primeira chutou forte. Mas, ligado no lance Gledson conseguiu fazer uma boa defesa. Aos 17, foi a vez dos donos da casa responderem em um chute cruzado de Ronaell, mas a bola saiu pela linha de fundo.

Na sequência, os donos da casa tiveram a sua maior chance de abrir o placar. Léo Ceará recebeu na área e bateu cruzado. A bola passa por goleiro Tiago Cardoso e Jussimar teve a chance de cabecear, mas a bola passar por cima dele e por muito pouco não entrou.

Nos minutos finais, os dois times seguiram fazendo pressão para tirar o zero do placar e aos 43 minutos o Campinense conseguiu. Da entrada da área, Renatinho soltou o pé e acertou o ângulo direito do goleiro Tiago Cardoso, que nada pode fazer. E no apagar das luzes, os donos da casa fizeram mais um. Aos 48, Léo Ceará fica cara a cara com o goleiro e não desperdiça, para selar a vitória do time paraibano.

Ficha Técnica

Campinense
Gledson; Fabinho (Felipe Ramon), Joécio, Rafael Jensen e Ronaell;
Magno, Negretti, Fernando Pires e Jussimar (Renatinho); Léo Ceará e Thiago Orobó (Maranhão).
Técnico – Sérgio China
Náutico-PE
Tiago Cardoso; Joazi, Ewerton Páscoa, Tiago Alves e Giovanni;
João Ananias, Rodrigo Souza, Maylson (Jefferson Renan) e Marco Antônio (Adalberto); Erick e Jefferson Nem (Alison). Técnico – Dado Cavalcanti
Gols
Renatinho 43 e Léo Ceará 46′ do 2T
Cartões Amarelos
Léo Ceará, Ronael, Rafael (C); João Ananias, Rodrigo Souza, Rodrigo Souza (N)
Cartões Vermelhos
Rodrigo Souza (N)
Árbitro – Antonio Santos Nunes (PI)
Assistentes – Francisco Nurisman Machado Gaspar (PI) e Rogério de Oliveira Braga (PI)

Do Voz da Torcida

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here