Câmara de João Pessoa promove audiência pública com torcidas organizadas

    0

    As torcidas organizadas de clubes de futebol promovendo a cultura da paz. Esse é o desejo do vereador Renato Martins (PSB) e demais vereadores de João Pessoa. Para isto, Renato Martins propôs e a Câmara Municipal realizará na tarde desta quarta-feira (10), uma audiência pública com a participação de dirigentes e integrantes das torcidas de times de futebol da capital paraibana. O encontro está marcado para começar às 15 horas no plenário da Câmara de Vereadores de João Pessoa.

    De acordo com o vereador Renato Martins, a idéia é aproveitar o potencial dessa juventude que participa de torcidas organizadas para que cada um seja um defensor da paz dentro e fora dos estádios de futebol.  “A falta de amor ao próximo, a intolerância que estão crescendo de maneira assustadora na sociedade, e é preciso que  todos nós contribuam com a mudança da mentalidade egoísta. Nós estamos convidando as torcidas organizadas para que elas assumam responsabilidades, terem noções de seus direitos mas também de seus deveres”.

    O vereador espera que as torcidas, principalmente do Botafogo e do Auto Esporte, possam ajudar na promoção da cultura de paz, desenvolvam projetos sociais em suas comunidades, como projetos artísticos e escolinhas de futebol e se tornem referência para a juventude.

    Renato Martins acrescentou que além dos integrantes das torcidas organizadas também  foram convidados para a audiência pública representantes da Polícia Militar, do Ministério Público, do Governo do Estado e da Prefeitura de João Pessoa.

    “Se as torcidas organizadas  tiverem diálogo eu tenho certeza que elas são importantes tanto na manutenção dos estádios como no combate ao racismo e à homofobia. A palavra de ordem é paz nos jogos e na vida”, declarou Renato Martins.

    Na opinião do médico e vereador Luis Flávio (PSDB),  a iniciativa da audiência pública com as torcidas organizadas dos clubes de futebol, trará contribuição importante. Em primeiro lugar eu sou a favor que as torcidas se organizem porque nós temos visto muitos problemas de violência. É preciso que esses jovens usem a sua energia, a sua força para divulgar o esporte e eu tenho certeza que uma boa disciplina possa na verdade contribuir para que efetivamente as torcidas organizadas exerçam o papel que é levar  o incentivo ao seu time e divulgar os valores que a sociedade gosta de ver numa boa competição”.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]