Botafogo-PB atropela o Ceará e encaminha classificação para as oitavas de final

0

O Botafogo-PB não deu chances para o Ceará nesta quarta-feira (13). Recebendo o Vovô no Estádio Almeidão, em João Pessoa, no jogo de ida do duelo válido pela terceira fase da Copa do Brasil, o Belo conseguiu aproveitar bem suas chances e uma expulsão adversária e conquistou uma grande vantagem no confronto mata-mata, vencendo pelo placar de 3 a 0.

Apesar da vitória com larga vantagem, a partida foi equilibrada no primeiro tempo. No entanto, o Botafogo-PB aproveitou bem suas oportunidades e conseguiu marcar duas vezes, em gol contra de Sandro e finalização de Plínio. No final da etapa inicial, o Vovô ainda teve Tiago Cametá expulso e acabou não resistindo ao adversário, sofrendo grande pressão no segundo tempo e ainda vendo Plínio fazer mais um para consolidar o triunfo da equipe paraibana.

No jogo de volta, em Fortaleza, já na próxima quarta-feira (20), às 19h30, o time paraibano poderá perder por até dois gols de diferença para chegar às oitavas de finais da competição. O Ceará precisaá devolver os 3 a 0 para levar a definição nos pênaltis ou ganhar por quatro gols de diferença, o que não vai ser anda fácil.

O jogo

O Ceará começou melhor na partida. No entanto, foi o Botafogo-PB que saiu na frente do placar. Aos cinco minutos, João Paulo cruzou pela direita e, dentro da área, Sandro se atrapalhou sozinho na marcação e acabou mandando contra o próprio gol, colocando o Belo em vantagem.

Após o gol dos mandantes, o jogo ficou completamente aberto. Porém, o Ceará criava as melhores chances. As duas principais foram com Bill, aos 24 e aos 25 minutos. O atacante do Vovô, no entanto, desperdiçou as duas, mandando a bola para fora.

Com a falta de pontaria dos visitantes, o Botafogo-PB aproveitou para ampliar. Aos 29 minutos, a zaga do Ceará falhou na linha de impedimento e Plínio recebeu livre para ajeitar, deslocar o goleiro e fazer o segundo gol dos mandantes.

O Vovô sentiu o baque do segundo gol e pouco pressionou até o intervalo. Para piorar, Tiago Cametá acabou expulso e deixou a situação do Ceará ainda mais complicada para o segundo tempo.

Com um a mais em campo, o Botafogo-PB sobrou na etapa final e só parava nas boas defesas feitas pelo goleiro Éverson. Com isso, o Ceará não conseguiu resistir por muito tempo. Após cruzamento de Pedro Castro para a área, aos 17 minutos, Plínio apareceu para dar um toquinho na bola e fazer mais um para o Belo.

Após marcar o terceiro gol, o Botafogo-PB se aproveitou de um Ceará entregue e só administrou o resultado. Temendo uma derrota ainda maior, o técnico Sérgio Soares ainda tirou o atacante Bill e colocou o volante João Marcos para segurar o placar.

Com isso, o Belo só precisou tocar a bola e esperar o apito final para fazer a festa.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here