Azevêdo rebate críticas de Cartaxo: “o meu laboratório foi a vida pública”

    2

    Após críticas do prefeito Luciano Cartaxo (PSD), de que seria algo como um experimento de laboratório, o pré-candidato do PSB João Azevêdo rebateu destacando que tem orgulho quando é denominado apenas como gestor, porque desta forma saberá como conduzir serviços e obras dentro do município. Ele ainda aconselhou que é mais importante demonstrar a população as ações realizadas do que apenas fazer publicidade.

    “O meu laboratório foi a vida pública. Sou secretário nesta cidade desde 1986, passei por diversas gestões e secretarias, construindo esse projeto que João Pessoa e a Paraíba conhece muito bem. Na verdade acho que essa questão de me tachar apenas como gestor, eu me sinto orgulhoso quando me denominam apenas como gestor, porque se a visão da pessoa é essa ela sabe o que estou fazendo, sei por quais caminhos trilhar para fazer as coisas acontecer e ser fruto deste trabalho. Muito mais importante que apresentações pessoais, é apresentar obras, ações, serviços pelo qual a população elegeu o prefeito. Isso tipo de informação dada não tem muita relevância, o importante mesmo é mostrar o que está sendo feito”, comentou Azevêdo.

    De acordo com o secretário, a administração  de Ricardo deixou sua marca na PMJP e continua no mesmo segmento no governo do estado. “Ricardo que nesses últimos dez anos vem demonstrando que a coisa mais importante com a população é o compromisso com a população, é o trabalho. A população se cansou de maquiagem, de discurso, de fala mansa, mas sem conteúdo, o importante é ação, o que está sendo feito. O resto é só falácia e não merece atenção. João Pessoa conhece o ritmo das gestões de Ricardo”, explicou.

    Afastamento da gestão

    O pré-candidato do PSB na disputa pela Prefeitura da Capital, João Azevêdo, confirmou que deixará a Secretaria de Estado de Infraestrutura, dos Recursos Hídricos, Meio Ambiente e Ciência e Tecnologia no início do mês de março.

    “O prazo para se deixar cargos públicos quando se é candidato é até junho, mas decidi sair em março. João Pessoa é uma cidade que precisa pensar grande e necessita de um grande projeto. Para isso, devo me dedicar a esta campanha nos três turnos, manhã, tarde e noite”, explicou.

     

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here