Atos pró-impeachment na Paraíba têm baixa adesão popular; veja as imagens

    0

    Assim como ocorreu em todas as cidades brasileiras, o ato pró-impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT) na Paraíba não conseguiu obter adesão popular. Segundo a Polícia Militar, em João Pessoa e Campina Grande os protestos reuniram algo em torno de 300 pessoas.

    Foi o quarto protesto contra a presidente da República realizado na Paraíba. Outras manifestações aconteceram nos dias 15 de março, 14 de abril e 16 de agosto.

    O ato na capital paraibana estava previsto para iniciar às 15h. Um dos sentidos da Avenida Epitácio Pessoa chegou a ser interditado para a passagem dos manifestantes. Os primeiros defensores do impeachment de Dilma começaram a se concentrar por volta das 14h20.

    O grupo, formado por menos de 50 pessoas, iniciou a caminhada por volta das 15h30 e chegou à orla por volta das 16h. Lá, se juntou a outros os manifestantes e seguiu em caminhada até o Largo da Gameleira, também na orla.  A manifestação foi encerrada por volta das 18h.

    Em João Pessoa, a Polícia Militar da Paraíba estima que cerca de 200 pessoas participam do ato neste domingo. Já organização, acredita que a manifestação reuniu 500 pessoas.

    “Todo mundo acha que Dilma é adorada no Nordeste, mas não é assim não”, afirmou a escritora Giselle Sousa, que mora em Brasília, e viajou para João Pessoa para participar do protesto na capital paraibana.

    Segundo um dos organizadores do protesto Maurício Renato, o ato foi promovido pela Aliança Paraibana dos Movimentos Democráticos que engloba representantes de vários outros movimentos, como o ‘Acorda Brasil’, o ‘Vem pra Rua’, ‘Direita Paraíba’, ‘Direita Paraibana’, e ‘Movimento Brasil Livre’.

    Já o ex-presidente do PT em João Pessoa, Jackson Macedo, usou seu perfil no Facebook para ironizar o fracasso do ato em João Pessoa. “Sucesso total as manifestações a favor do Golpe organizado hoje em João Pessoa. Tanta gente que tá fazendo inveja a procissão da Penha. Realmente, o Golpe tem muito apoio popular. Vão tomar uma cerveja cambada!”

    Campina Grande

    Em Campina Grande, os manifestantes se reuniram no Açude Velho, um dos cartões postais da cidade. O grupo começou a se concentrar por volta das 15h no Monumento Tropeiros da Borborema. Durante alguns minutos o trânsito ficou parado na Avenida João Florentino de Carvalho, no trecho da praça José Américo, enquanto os participantes cantaram o Hino Nacional.

    Atos pró-impeachment na Paraíba têm baixa adesão popular; veja as imagens

    Por volta das 17h, os manifestantes saíram em caminhada no entorno do Açude Velho. As interdições de trânsito ocorreram apenas de forma pontual, no momento em que os manifestantes passavam em cada trecho.

    A mobilização terminou por volta das 17h20, próximo ao monumento dos 150 anos da cidade. O ato foi organizado pelo Movimento Brasil Livre e Foro de Campina Grande. A estimativa da organização é de que 150 pessoas participaram do ato, no entanto, a Polícia Militar estima em cerca de 100 manifestantes.

    Veja imagens do ato em João Pessoa:

    Atos pró-impeachment na Paraíba têm baixa adesão popular; veja as imagens

    Atos pró-impeachment na Paraíba têm baixa adesão popular; veja as imagens

    Atos pró-impeachment na Paraíba têm baixa adesão popular; veja as imagens

    Atos pró-impeachment na Paraíba têm baixa adesão popular; veja as imagens

    Atos pró-impeachment na Paraíba têm baixa adesão popular; veja as imagens

    Atos pró-impeachment na Paraíba têm baixa adesão popular; veja as imagens

    Atos pró-impeachment na Paraíba têm baixa adesão popular; veja as imagens

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here