Articulista político aponta dificuldades de Leto e prevê vitória da oposição em Cabedelo

0

Em artigo publicado neste final de semana, o jornalista Walter Santos – considerado um dos principais articulistas políticos da Paraíba -, avalia o quadro sucessório da disputa eleitoral deste ano na cidade de Cabedelo, localizada na Região Metropolitana de João Pessoa.

No artigo, Walter Santos revela que a rejeição da gestão do atual prefeito Leto Viana chega a 59%, analisa a inelegibilidade do ex-prefeito Zé Régis e prevê a vitória do vereador Fernando Sobrinho na corrida pela Prefeitura de Cabedelo.

Leia abaixo na íntegra o artigo de Walter Santos:

Cabedelo: terreno perfil para Mudanças nas eleições

 Quem acompanha de perto o processo político do município de Cabedelo sabe de cor e salteado que o processo sucessório na cidade tem tudo para oferecer novidade na disputa de Outubro próximo, em face da conjuntura ser desfavorável ao atual prefeito Leto, cuja avaliação popular beira a 59% de rejeição.

Este índice tão elevado e comprovável em várias pesquisas diz respeito a uma imagem negativa ampliada desde que ele tomou posse chegando na solenidade em carro importado do mega empresário Roberto Santiago seguido da polêmica em que a estrutura de Poder tentou inviabilizar a construção do Shopping Intermares, além dos serviços básicos não funcionarem bem, ao contrário.

A prova desta realidade pode ser mensurada em recente evento da Paixão de Cristo, no Forte de Cabedelo, quando Leto recebeu uma sonora vai ao ser anunciado no local.

Ascensão nebulosa

Ainda hoje setores mais críticos da cidade não engoliram a artimanha produzida pelo ex-prefeito Luceninha que, de uma hora para outra, resolveu renunciar à Prefeitura permitindo a ascensão de Leto de forma inusitada e até hoje incompreensível, apesar de explicações do Ex.

Desde que ascendeu, enfim, o prefeito tende a construir imagem de quem é manietado por forças poderosas em descompasso com o interesse da sociedade cabedelense.

As alternativas à vista

Do ponto-de-vista popular, as pesquisas indicam o ex-prefeito Zé Régis como o contraponto a Leto com percentuais de vantagem sobre o atual prefeito. Ele, de fato, é o mais popular de todos os pré-candidatos.

Ocorre que Zé Régis tem problemas acumulados por desaprovação de contas e processos acusando-o de irregularidades e tudo isto torna-o inelegível, mesmo que advogados contestem o incontestável.

Para fazer frente a esta realidade, ele filiou sua esposa e, dizem, estimulou o empresário Robinson Koury Viana a se filiar do PSD, pois desse arranjo político-partidário poderia sair uma alternativa de Poder para vencer Leto.

Opção em crescimento

Fora desse contexto, existem as pré-candidaturas de Lucas, genro do ex-prefeito Dedo, que seria o Plano B com apoio de Leto -, e ainda do vereador de Oposição, Fernando Sobrinho.

Dos dois é visível que o pré-candidato do DEM, Fernando, tem crescido nas pesquisas e na obtenção de apoios importantes como se deu recentemente recebendo o aval dos deputados Ricardo Barbosa, Estela Isabel e Trocolli Júnior.

Como o nome do PSB na cidade não passa do traço nas pesquisas, a tendência é que o partido construa uma aliança com Fernando levando-o a ter, concomitantemente, o apoio do governador Ricardo Coutinho – algo que muda de patamar e valor, além do mais o DEM do ex-senador Efraim Morais e do deputado federal Efraim Filho e aliado especial do lider Socialista, que bem poderá gerar tal reciprocidade.

Em síntese, ninguém se assuste se a Oposição de cara nova vier a fazer o prefeito em Cabedelo.

 

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here