Após desprestigiar João Pessoa, ministro faz “mea culpa” e garante retorno à PB

0

O ministro dos Transportes, Portos e Aviação Maurício Quintella fez um “mea culpa”, durante solenidade nesta sexta-feira (10), ao justificar que a assinatura da ordem de serviço para a ampliação da BR 230, de Cabedelo a Oitizeiro, acontece em Campina Grande, desprestigiando a capital paraibana.

Quintella pediu desculpas ao prefeito Luciano Cartaxo (PSD), que compareceu ao evento, e explicou que assinatura da ordem de serviço das obras na BR 230, que contemplará parte da região metropolitana e está orçada em R$ 255 milhões,  acontece em Campina Grande porque a agenda presidencial também contemplaria outra assinatura de ordem de serviço para obra de mobilidade urbana na rainha da Borborema, além da visita de Temer ao Complexo Aluísio Campos, um dos maiores conjuntos habitacionais em construção no país.

Porém, o ministro garantiu que vai retornar à Paraíba para visitar as obras em João Pessoa ainda este semestre.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here