Anísio sobre o PT: “Cúpula do partido é insensível ao desejo de mudança da base”

0

Nestes últimos dias 10 e 11 de novembro aconteceu em São Paulo, reunião do Diretório Nacional do Partido dos Trabalhadores. A resolução aprovada por 53 votos contra 27, mantem o Processo de Eleições Diretas (PED) para a escolha das direções municipais e de delegados para os Congressos Estaduais e Nacional do Partido.

“A cúpula do PT ainda não entendeu o que vem acontecendo no país e está completamente insensível à vontade de mudança que existe na base partidária”, afirmou o deputado Anísio Maia. “Tenho a impressão de que a grande preocupação do campo majoritário do partido é permanecer com o domínio da máquina partidária, custe o que custar”, acrescentou.

Para Anísio Maia, é preciso que o PT modifique sua forma de organização e apresente uma nova política diante da conjuntura nacional. “Somos atacados e criminalizados pela direita diariamente e se enganou quem esperava outro comportamento da direita. No entanto, precisamos avaliar quais são os erros que não devemos repetir e voltarmos a ser um partido combativo. Este é o desejo da militância”.

“O Diretório Nacional esteve reunido por dois dias e não disse como iremos construir uma agenda de oposição ao governo golpista de Michel Temer, nem como faremos para sair da maior crise de nossa história. Foi convocado um Congresso com poderes limitados apenas para abril do ano que vem. Não podemos viver do passado. Ou o PT muda ou terá seu fim. No que depender desta cúpula, não mudará”, concluiu.

Comente

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here