Advogado diz não haver irregularidade e que processará vereador de S. Rita

    0

    O advogado Rinaldo Mozalas, sócio do escritório que está sendo acusado pelo presidente da Câmara de Santa Rita, vereador Josa de Nezinho (PTC), de utilizar uma procuração vencida para entrar com um pedido de liminar no Superior Tribunal de Justiça, negou que seu escritório tenha cometido tal irregularidade. O pedido de liminar é para suspender a posse de Reginaldo Pereira como prefeito de Santa Rita.

    De acordo com Mozalas, a procuração está ativa e por tanto, não há qualquer irregularidade no ato do advogado que impetrou com a ação. “A procuração está valendo, tanto que somente hoje os vereadores estão se reunindo para revogar o documento em sessão ordinária”, disse Rinaldo.

    Ele disse ainda que ficou ‘indignado’ com as declarações e acusações de Josa e garantiu que ingressará com ação criminal, por calúnia, e por danos morais contra o parlamentar. “Somos um escritório com 17 anos de atuação e não podemos permitir que nossa reputação seja manchada por declarações com está”, finalizou.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here