“Falam que denúncias são requentadas e obra reinaugurada é o que?”, diz Raoni

    0

    Apesar da sessão ter sido considerada declaratória na Câmara de João Pessoa (CMJP), na manhã desta terça-feira (15), os ânimos não foram um dos melhores. Isso porque a bancada de oposição ao prefeito Luciano Cartaxo (PT) topou o desafio do líder de situação, vereador Marco Antônio (PPS), em que pediu para que se mostrasse uma área ou bairro da Capital que não tivesse uma intervenção importante da Prefeitura de João Pessoa.

    O líder de oposição Raoni Mendes (PDT) foi contundente. “Vocês da base sempre dizem que as minhas queixas e denúncias são requentadas. E obra requentada é o que? As intervenções no bairro do Timbó foram inauguradas em 16 de janeiro de 2014 e o prefeito há uma semana entregou a mesma obra. Isso para mim é requentar e é uma propaganda enganosa e ainda diz que é um presente para a cidade. Isso é um estelionato e não podemos mais aceitar essas mentiras veladas. O prefeito implantou em João Pessoa uma nova moda, que é a mentira institucionalizada”, argumentou.

    Já o vereador Lucas de Brito (DEM) foi mais além. “Nossas contestações põe em xeque o governo de Luciano Cartaxo. Ele que diz que entrega duas obras por semana e aí nós revelamos que são obras que já foram entregues, significa a quebra da boa fé e que a população deposita na veracidade do discurso deste cidadão e ainda tentar fazê-la de boba. Isso é propaganda enganosa e de acordo com o Código de Defesa do Consumidor, a população tem direito a indenização. Eu sou a favor de que se crie uma legislação em que os poderes públicos criem uma indenização difusa à sociedade quando ela é enganada, como forma de coibir esse tipo de prática”, afirmou.

    Comente

    Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
    Facebook, Twitter e Youtube.

    Interaja com o Paraíba Já:
    WhatsApp: (83) 99373-4023
    E-mail: [email protected]

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here