Salão de Artesanato segue na segunda semana e já acumula R$ 170 mil em vendas

0

Em cinco dias, cerca de 20 mil pessoas já passaram pelo 25º Salão de Artesanato da Paraíba. Fazendo jus à temática ‘Raiz Cultural de um Povo’, os paraibanos são os principais visitantes do evento, que segue até o dia 29 deste mês, no Espaço Cultural, em João Pessoa, trazendo diversas tipologias de artesanato, gastronomia e atração cultural.

A gestora do Programa de Artesanato da Paraíba (PAP), Lu Maia, disse que até o domingo (22), o 25º Salão tinha acumulado R$ 170 mil em vendas, com uma média diária de R$ 38 mil, e tendo as tipologias madeira, habilidades manuais e fios com os maiores percentuais de vendagem. “Além das tradicionais tipologias, a gastronomia possui bastante saída”, afirmou a gestora.

A média de público é de quatro mil pessoas por dia. Porém, há dias em que o fluxo é maior, como no último domingo (22). Os visitantes são, em sua maioria, paraibanos. “O que vejo de forma positiva. Vemos que a população local está prestigiando sua arte”, comentou Lu Maia. Os turistas representam cerca de 20% das visitas.

Turismo – Segundo a presidente da Empresa Paraibana de Turismo (PBTur), Ruth Avelino, a Paraíba está mantendo um bom fluxo de turistas brasileiros e estrangeiros no litoral do estado na chamada altíssima estação.

“Hotéis estão com ocupação boa e muitos turistas este ano optaram por ficar em apartamentos alugados, o que é uma tendência mundial. Em ano de crise as pessoas viajam, mas buscam economizar, e com esse tipo de hospedagem, se gasta menos. Mesmo sendo menor, o fluxo de turistas pelo Salão é grande”, afirmou Ruth.

Ações e aprendizado – Segundo os organizadores, o Salão de Artesanato da Paraíba é muito mais que um evento de vendas, é um momento também de educação, e oportunidade para o crescimento dos artesãos. Por isso, são oferecidos a todos os artesãos capacitações e palestras. Eis a programação a partir desta segunda-feira (23):
•        Workshop de decoração: segunda-feira (23), 14h, Auditório 1 (Espaço Cultural)
•        Workshop de acessórios: terça-feira (24), 9h, Auditório 1
•        Clínica individual de Moda: terça-feira (24), 14h, Praça de Alimentação
•        Gestão de qualidade: terça-feira (24), 14h, Auditório 1
•        Empreender: quarta-feira (25), 14h, Auditório 1
•        Empreender – capacitação dos contemplados: quinta-feira (26) e sexta-feira (27), 14h, Auditório 1
•        Reunião com a gestora do PAP: domingo (29), 14h, Auditório 1

Este ano o Salão envolve a ação de diversos órgãos e secretarias do Governo do Estado, além do órgão a qual está ligada, Secretaria de Estado do Turismo e Desenvolvimento Econômico. A edição deste ano teve patrocínio da Companhia de Industrialização da Paraíba (Cinep); participação da Secretaria de Desenvolvimento Humano, com ações da economia solidária; Fundação Desenvolvimento da Criança e do Adolescente “Alice de Almeida” (Fundac), com ações de responsabilidade social; ações do Programa de Apoio ao Empreendedorismo na Paraíba (Programa Empreender PB); presença da Secretaria de Estado da Saúde e equipe de emergência; e da Autarquia de Proteção e Defesa do Consumidor do Estado da Paraíba (Procon-PB) com um estande tira-dúvidas para a população.

Programação cultural – Enquanto a visitação enche os estandes, a parte mais animada se aglomera na Praça de Alimentação do 25º Salão de Artesanato da Paraíba, ao som de atrações locais, peças infantis e a gastronomia. Nesta segunda (23), a cantora Débora Vieira deve animar o espaço cantando samba. As atrações seguem até o próximo domingo (29). Confira:
•        Lampião e Maria Bonita (terça-feira – 24)
•        João dos Ramos (quarta-feira – 25)
•        Lampião e Maria Bonita (quinta-feira – 26)
•        Damião Moreno (sexta-feira – 26)
•        Grupo Raízes (sábado – 28)
•        Alexandre Pé de Serra (domingo – 29)

O Salão – A 25ª edição do Salão de Artesanato da Paraíba tem como tema ‘Raiz cultural de um povo’. O evento é uma realização do Governo do Estado, por meio do Programa de Artesanato da Paraíba (PAP), e conta com cerca de 400 artesãos, representando um total de mais de três mil profissionais envolvidos.

São apresentadas peças produzidas com materiais como algodão colorido, madeira, metal, osso, fios, pedras e produtos como cordel, xilogravura e comidas regionais. Até o domingo (29), o Salão funciona aberto ao público com estrada gratuita, das 16h às 22h, na Fundação Espaço Cultural (Rua Abdias Gomes de Almeida,800, João Pessoa).

Comente

Camara Municipal

Fique por dentro de todas as notícias do Paraíba Já nas redes sociais:
Facebook, Twitter e Youtube.

Interaja com o Paraíba Já:
WhatsApp: (83) 99373-4023
E-mail: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here