copa

Copa do Mundo com 48 seleções? Sou contra!!!




Uma Copa do Mundo com 48 seleções é o que a toda poderosa FIFA decidiu para a edição do ano de 2026. Se atualmente, com 32, já é considerada de bom tamanho, então, qual a intenção de ampliar e muito o quantitativo de participantes? Já temos a respostas, pois, haverá mais jogos e com isso, mais ingressos serão vendidos e a entidade botará mais dinheiro em no caixa.

Até 1994, quando o Brasil foi tetra campeão, eram 24 seleções disputando o mundial e a partir de 98, ampliou para 32, que já está de excelente tamanho, como pensam os europeus. Uma Copa do Mundo com 48 times, só abrirá espaço aos que sempre sonharam e não conseguem chegar como: Guatemala, Ilhas Samoa, Taiti, Guiné Equatorial, Panamá, República do Congo, entre outras.

É obvio que veremos mais goleadas porque o número de seleções inexpressivas vai despontar e o nível, sobretudo de uma primeira fase, será péssimo. É bom deixar claro, que não possuo nada contra os países “pequenos no futebol”, mas vendo a razão, é um absurdo essa tese da FIFA. Oxalá que isso não se concretize.

 

 

2030

 

No ano do centenário da Copa do Mundo, em 2030, a FIFA já estuda a possibilidade da Copa de 2013 ser realizada no Uruguai e na Argentina, como forma de homenagear  o primeiro campeão e vice, respectivamente. Lembrando que foi o próprio Uruguai o primeiro país sede.

 

Perda

O esporte da Paraíba perdeu um dos seus mais conhecidos fisicultores. Djard Emílio, que trabalhou no Auto Esporte, Santos-PB, Miramar, Nacional d de Cabedelo, Internacional-PB, Sousa, Murici-AL e Baraúnas-RN, faleceu nesta terça-feira (10), vítima de problemas no aparelho digestivo. Recentemente, Djard foi técnico do time feminino do Kashima, no Paraibano 2016.

Comente

Atuando no jornalismo esportivo desde 2002, formou-se em comunicação social no ano de 2004 e anos depois, concluiu uma pós-graduação em assessoria de imprensa, na Unifor-CE. Atualmente, integra a equipe esportiva da Rádio Tabajara, onde já teve a oportunidade de ser coordenador.