Filho de Letícia Spiller e Marcello Novaes derruba carro em praia do Rio




Uma cena inusitada chamou a atenção de quem passava no início da tarde desta quinta-feira, 5, pela orla da Praia de São Conrado, na Zona Sul do Rio de Janeiro. Uma picape Toyota Hilux ultrapassou a faixa de trânsito da Avenida Prefeito Mendes de Morais, invadiu o calçadão e, depois, acabou caindo nas areias do local.

O motorista em questão era Pedro Novaes, filho de 19 anos de Marcello Novaes e Letícia Spiller. Visivelmente abalado após o acidente, o rapaz contou com a ajuda de agentes de trânsito e funcionários de uma seguradora de veículos.

 

“Foi do nada… O carro estava no drive, estacionado e, de repente, deu um arrancão! Não deu tempo de nada… Mas, graças a Deus, está tudo bem e ninguém se machucou. Vou ficar aqui até ele ser removido. Tô acompanhando tudo”, disse ele, enquanto via o carro ser retirado da areia.

“Desculpa falar correndo e não querer ficar falando muito sobre isso, mas tenta entender o meu lado também. Se eu ficar falando toda hora a história fica ainda maior, sabe? Mas o que importa é que está tudo sobre controle e, se Deus quiser, ainda vou sair daqui levando ele. Ele vai andar”, contou Pedro, confiante, mas abalado.

Minutos depois, um tio do jovem chegou para ajudá-lo. Segundo esse tio, Pedro estava com o irmão mais velho, Diogo, e outros três amigos. Eles estavam indo surfar, mas Pedro esqueceu de puxar o freio de mão do carro. Quando viram, o carro já tinha descido.

Marcello Novaes confirmou o ocorrido e deu mais detalhes. “Foi um pequeno deslize, o carro é automático. Ele esqueceu alguma coisa no capô e, como tinha deixado o carro engrenado, a Hilux começou a andar sozinha”, disse o ator. “O mais importante é que ninguém se feriu, meu filho está bem. A gente fica preocupado, claro, mas ele resolveu tudo sozinho”.

Procurada pela reportagem, a CET-Rio divulga que, quando agentes chegaram ao local, o carro já estava na areia. A companhia informa ainda que o acidente não causava reflexos no trânsito do local na hora do acidente. A remoção total do veículo foi feita às 14h50 e, às 14h58, a pista da Avenida Prefeito Mendes de Morais foi liberada.

A operação de reboque contou, no total, com o apoio de três carros, quatro guardas municipais, nove bombeiros e dois policiais militares, que verificaram os documentos de Pedro e o liberaram. “Fomos acionados e ficamos aqui até não haver riscos para ninguém. Agora que está tudo resolvido e ninguém se machucou já estamos liberando todos os envolvidos”, disse um dos oficiais.

“Ele estacionou o carro de frente para a praia, do outro lado da pista. Tirou a prancha de surf e fechou a porta. De repente, o carro começou a andar sozinho, atravessou a pista e caiu na areia. Só deu tempo dele sair da frente para não ser atropelado”, conta Adriana Celestina, que estava no local na hora e testemunhou tudo. As informações são do Ego.

2017-01-05-photo-00000057

Comente

Fundado em maio de 2010, o Paraíba Já é um portal de notícias sediado em João Pessoa (PB), que tem compromisso com a verdade, fazendo um jornalismo de qualidade e relevância social.