Presidente do PT diz que Gervásio é a melhor opção de RC para disputar o Governo da PB




O presidente estadual do PT na Paraíba, Charliton Machado, declarou que o presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), Gervásio Maia (PSB), seria um bom candidato a governador, caso a legenda socialista decida lançá-lo em 2018. Além de ressaltar as qualidades do deputado, o dirigente petista reiterou que a pretensão do partido é manter a aliança com Ricardo Coutinho e o PSB para as próximas eleições.

Para Charliton, é preciso que Gervásio mantenha o processo de construção de diálogo com os movimentos sociais, para que outros setores de esquerda possam cogitar em apoiá-lo em 2018.

“Há uma possibilidade do PSB lançar o presidente da Assembleia, Gervásio Maia, como candidato, e eu o vejo como uma figura de bom diálogo. Vejo que ele tem feito um trabalho importante nesse primeiro momento, abrindo as portas para os movimentos sociais. Ele abriu o Parlatório para que os movimentos sociais fizessem um grande clamor contra a Reforma da Previdência”, pontuou.

“É um quadro que eu dialogo com ele de forma muito positiva. Vamos construir uma alternativa de forma que conduza os movimentos sociais e outros partidos comecem a dialogar com ele. A pretensão é caminhar com o PSB, mas nós queremos que seja construída uma candidatura que dialogue com esse campo progressista”, acrescentou Charliton.

Para o presidente do PT paraibano, a manutenção da aliança com Ricardo Coutinho e o PSB em 2018 é um ato de coerência política. “Nossa aliança prioritária é com o governador Ricardo Coutinho e com o seu governo, apesar do PT não participar do governo de maneira institucional. O PT apoia o governo naquilo que acha interessante para a população e vota contra as coisas que não são necessárias. Então, nós temos um papel de bastante coerência com o governador e entendemos que ele tem um papel importante na democracia brasileira e na Paraíba, e esta tem sido a linha de coerência do PT”, justificou.

Charliton, no entanto, deixou claro que a prioridade do Partido dos Trabalhadores para 2018 é unificar forças para eleger Lula mais uma vez presidente, além de fortalecer a bancada de parlamentares.

“Nosso maior projeto é Lula, depois é que focaremos as regionais.  O PT tem que trabalhar para aumentar a sua bancada na Assembleia Legislativa no próximo ano. Temos dois deputados e podemos ir para três, acho isso completamente possível, além de fortalecer o nome de Luiz Couto para o Senado”, finalizou.

Comente

Jornalista, radialista e utopista. Editora do Paraíba Já.